Menu principal
 

O Instituto Federal Catarinense – câmpus Brusque abraça a VI descida do Rio Itajaí-Mirim no Dia Mundial da Água

sexta-feira, 23 de Março de 2018

No dia 22 de março de 2018, Dia Mundial da Água, o Núcleo de Gestão Ambiental (NGA) do Instituto Federal Catarinense – câmpus Brusque, realizou aula de campo com a “VI descida do Rio Itajaí-Mirim”, promovida pela Fundação Municipal do Meio Ambiente – Fundema, em parceria com o Instituto Federal Catarinense e com apoio da Defesa Civil de Brusque. A aula de campo ocorreu com os alunos das turmas de 1º e 2º do Ensino Médio Integrado em Química e 1º e 2º do Ensino Médio Integrado em Informática. O objetivo da ação foi de chamar a atenção da população para o rio e executar a limpeza do local, pela coleta de resíduos nas margens do mesmo e no seu leito, com embarcações da Defesa Civil de Brusque.

A aula de campo se constituiu como uma prática pedagógica importante no processo de ensino e aprendizagem, onde houve articulação com atividades desenvolvidas em sala de aula, através da discussão de temas relacionados à água e confecção de cartazes de conscientização.

As saídas de campo permitem a exploração de conteúdos conceituais, procedimentais e atitudinais, que possibilita um potencial instrumento de Educação Ambiental, eixo transversal preconizado pelos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs) que destacam a importância de os alunos conhecerem e valorizarem as características fundamentais do país nas dimensões sociais, materiais e culturais e de se perceberem integrantes e agentes transformadores do ambiente.

A participação dos estudantes e professores do IFC-Brusque na aula de campo constitui uma prática transversal e interdisciplinar de Educação Ambiental, que contempla a materialização de ações de sustentabilidade do Plano de Logística Sustentável do NGA, promove a visibilidade social do Instituto Federal Catarinense como entidade parceira nas questões socioambientais do município, e contribui sobremaneira para a formação de nossos alunos enquanto cidadãos críticos, conhecedores, atuantes e transformadores da realidade em que estão inseridos.